Valdeci provoca empresários “demitam e não paguem indenização” Featured

16 Maio 2020 Written by 
Published in Fecomercio

valdek

O presidente da Federação do Comércio do Estado do Piauí (Fecomércio), Valdeci Cavalcante (foto acima), afirmou em vídeo compartilhado em uma rede social que empresários podem demitir funcionários e que as rescisões trabalhistas devem ser pagas pelos municípios e o Estado que, segundo ele, está sendo ineficiente no combate do novo coronavírus. Ele mencionou parte do artigo 486 da Consolidação das Leis Trabalhistas (CLT) para embasar sua tese.

O artigo usado pelo empresário, fala sobre a paralisação de atividades de empresas motivada por ato de autoridade municipal, estadual ou federal, que impossibilita a continuidade da atividade comercial. 

“Estamos esgotados. Não tivemos até a presente data nenhuma consideração do poder público. Nós empresários não temos mais como manter o nosso quadro de funcionários. Então, estamos esgotados. Os empresários podem demitir os seus empregados, não paguem verbas indenizatórias porque não tem dinheiro, e seus empregados vão procurar a Justiça do Trabalho. Os senhores (empresários) devem chamar a lide, no caso de Teresina, a prefeitura municipal e no caso de Parnaíba, o Governo do Estado, e assim por diante”, disse.

Valdeci afirmou ainda que os municípios e o Governo do Estado são órgãos opressores. “Esses órgãos opressores, que estão provocando prejuízos às empresas e a sociedade deverá pagar a conta. Como se trata de verba alimentar, com certeza a Justiça do Trabalho mandará bloquear os valores devido a cada ex-funcionário imediatamente dar conta desses órgãos públicos”, afirmou.

Com informações do portalodia.com 

Read 82 times
Rate this item
(0 votes)

Endereço

Endereço:
Av. Campos Sales, 1111, Centro/Norte, Teresina, PI  
Tel:
(086) 3222-5634
Website:
www.fecomercio-pi.org.br
Email:
O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo.

Quem Somos

O Sistema Fecomercio do Estado do Piauí é a força do Comercio de Bens, dos Serviços e do Turismo nas lutas pelo desenvolvimento do setor terciário e, conseqüentemente, do Estado.

JoomShaper